Sempre que eu posso eu fujo do inverno

from by Wander Wildner y sus Comancheros

/
  • Streaming + Download

    Includes unlimited streaming via the free Bandcamp app, plus high-quality download in MP3, FLAC and more.

      $1 USD  or more

     

about

autoria de Gustavo Kaly

lyrics

Sempre que posso eu fujo do inveno
enterro a minha ancia de poder viver ao sol

quando me encontro perdido ao desencontro
descubro que parado eu sinto o cheiro do formol

eu aprendi a ignorar as minhas dúvidas
o que não entendo eu decidi deixar pra trás

não é por menos que os meus cabelos brancos
tenham mais histórias pra contar

do que eu posso me lembrar se um dia eu vivi aqui
E o que eu tento esquecer já não faz parte de mim!

Sempre que posso eu fujo do inveno
A friaca me apunhala como um corte de navalha

e a necesária mochila que carrego
se apresenta bem mais leve sem tanta parafernalha

São duas camisetas de bandas que eu gosto
uma bermuda e um chinelo e o violão nas costas

Todo suor que escorre do meu corpo
acredito que são lágrimas

do que eu posso me lembrar se algum dia eu vivi aqui
E o que eu tento esquecer já não faz parte de mim!

credits

from A vida é uma toalha estendida no varal, released October 29, 2016

tags

license

all rights reserved

about

Wander Wildner Porto Alegre, Brazil

Concerts Wander Wildner are capable of arousing the most visceral and simpletons of the feelings of those who authorize quit writing cliches, remember undone loves or childhood memories, whip out a handkerchief to wipe the tears. And feel cool with it all. In the repertoire of the show he meets the classics of his career and new songs. ... more

contact / help

Contact Wander Wildner

Streaming and
Download help